Nuno Pinto

clarinete

Inegável mestria do clarinetista Nuno Pinto, o qual combina um grande domínio das técnicas clássicas e contemporâneas do instrumento com uma vontade de envolvimento na criação musical mais experimental.

António Ferreira, in Espaço Crítica para a Nova Música

 

Estudou clarinete com Saul Silva, António Saiote, Michel Arrignon e Alain Damiens, em Portugal e França. Frequentou ainda master-classes orientadas pelos clarinetistas Guy Dangain, Walter Boeykens, Howard Clug, Robert Fontaine e Alois Brandhofer.

Tem dedicado uma grande parte do seu trabalho à música de câmara e à música contemporânea, tendo trabalhado com inúmeros músicos e grupos. É membro fundador dos grupos de câmara Camerata Senza Misura, Trivm de Palhetas e Clarinetes Ad Libitum e ainda membro do Sond’Ar-te Electric Ensemble e da OrchestrUtopica, para além de tocar em duo com a pianista Elsa Silva.

Enquanto solista ou integrado em grupos de câmara e ensembles, esteve presente nas estreias de mais de uma centena de obras de sessenta compositores e é dedicatário de obras de Cândido Lima, Luís Tinoco, Sérgio Azevedo, Ricardo Ribeiro, Telmo Marques, Virgílio Melo e Miguel Azguime.

Foi solista com a Orquestra Clássica do Porto, Orquestra do Norte, OrchestrUtopica, Solistas do Porto, Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras, Orquestra de Câmara Musicare, Orquestra Artave e European Medical Students Orchestra. Colaborou ainda com a Orquestra Gulbenkian, Orquestra Sinfónica Portuguesa e Orquestra Nacional do Porto.

Um dos mais internacionais músicos portugueses,  já participou em vários Festivais Internacionais de Música em Portugal, Espanha, França, Bélgica, Alemanha, Áustria, Inglaterra, Itália, Eslovénia, Hungria, Polónia, Brasil, Estados Unidos, China e Japão.

A sua discografia inclui 17 discos com gravações em áreas tão diversas como a música contemporânea, de câmara, ensemble, world music e jazz. Destaca-se a gravação de várias obras de compositores portugueses, algumas inéditas e/ou em primeira edição, para clarinete solo e para clarinete e piano, como o disco de 2016 “Tempo de Outono”, com a pianista Elsa Silva (Artway Records) considerado um dos melhores discos do ano pelo jornal Público. 

É professor doutor de clarinete na Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo, no Porto, onde também exerce funções de professor de música de câmara. 

Nuno Pinto é artista das marcas Buffet Crampon e Vandoren.

Mais vídeos no YouTube
  • world-wide-web-visit-512
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Spotify - Black Circle

Disco que se destaca pela qualidade da interpretação destes dois experientes intérpretes, sendo também digno de realce o facto de se tratar da primeira edição fonográfica das seis peças que o integram.

Ípsilon / Público

Pedro M. Santos in Top 10 Discos - O melhor de 2016

Pinto is joined by pianist Elsa Silva in a fantastic collection of new works by Portuguese composers. […] Once again this duo delivers a brilliantly crafted performance

The Clarinet (Julianne Kirk Doyle, June 2017)

Tempo de Outono_CD K.jpg

TEMPO DE OUTONO

Nuno Pinto (cl)

Elsa Silva (pf)

© 2016

+ info

Buy-Now-Button.png
spotify_logo.jpg
itunes-logo-png-6.png
Amazon-512.png